A pessoa com deficiência e o bullying no trabalho, por que não se fala sobre isso? - Território Deficiente
Inscreva-se grátis para receber nossas novidades e atualizações!

A pessoa com deficiência e o bullying no trabalho, por que não se fala sobre isso?

Esse artigo pode chegar a mais de 50 milhões de deficientes!!! Pratique a Inclusão, Compartilhe esse Post.
Compartilhe
AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E O BULLYING NO TRABALHO, POR QUE NÃO SE FALA SOBRE ISSO?

"Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder.

 A pessoa com deficiência e o bullying no trabalho, por que não se fala sobre isso?


AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E O BULLYING NO TRABALHO, POR QUE NÃO SE FALA SOBRE ISSO?

 O que significa bullying?

 O termo bullying surgiu na década de 1970 na Noruega. São comportamentos agressivos, físicos e/ou psicológicos, entre colegas de escola, trabalho, prisão, condomínio ou qualquer outros ambientes de convívio, onde um sujeito, ou um grupo de pessoas, agride outro(s), que geralmente não tem muitos meios de defesa.

O fato é que, as minorias são as vítimas preferenciais dos ataques. Todo mundo fala sobre bullying atualmente, principalmente nas escolas, É algo muito debatido, porém ainda é uma questão que os profissionais quebram a cabeça para trabalhar com a situação, estão tentando aprender a lidar com isso.

De fato, não é fácil, cada situação é única, devemos sempre olhar para o agressor e para vitima, entender o que aquilo significa para cada um, o porquê ocorreu o bullying naquele caso, olhar a vida pessoal dos envolvidos e ajudar ambas as partes, pois todos precisam.

É um assunto complexo que a gente pode voltar a conversar em outro post, porque neste eu vou propor uma outra discussão que é pouco falada ou é escondida mesmo, camuflada. A nossa conversa hoje é por que não se fala sobre o bullying que acontece com as pessoas com deficiência no trabalho?
Por que? Você deve tá se perguntando que bullying é esse? Como assim?

AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E O BULLYING NO TRABALHO, POR QUE NÃO SE FALA SOBRE ISSO?

Gente, tá na cara, a gente que finge que não sabe ou que não acontece! Mas vamos lá, vou enumerar alguns casos:

☛ Quando tem happy hour e todo mundo "esquece" de chamar o parceiro que tem uma deficiência!
☛ A pessoa com deficiência tem um currículo bacana, mas o seu cargo é bem inferior!
☛ Deixar a pessoa com deficiência isolada em algum setor da empresa!
☛ Os parceiros (as) que acreditam que a pessoa com deficiência esta ali apenas por causa da lei de cotas!
☛ O sujeito com deficiência é visto por muitos como um inútil!
☛ A pessoa com deficiência serve apenas para fazer pequenos favores para os colegas, como pegar água!

Essas situações também não pode ser consideradas bullying? Por que será que fazem isso? Pensando agora no "agressor", o que leva uma pessoa ou um grupo de pessoas no ambiente corporativo fazer essas coisas, vamos olhar pelo básico, o começo: falta de conhecimento, falta de preparo, total ignorância!!!!! Achar que o lugar da pessoa com deficiência é em casa, deitada na cama, babando...

Estou mentindo?

Infelizmente não, é essa a visão que a maioria das pessoas tem, por isso que é tão difícil para a pessoa com deficiência se  colocar, fazer parte ativamente da sociedade. Devido a toda essa falta de conhecimento, a ignorância, as empresas precisam fazer todo um trabalho de inclusão, dando palestras, treinamentos, promovendo eventos onde toda a equipe se comunique...

A gente precisa aceitar que há de fato exclusão das pessoas com deficiência e assim começar a criar meios de incluir e não sair jogando as pessoas no meio do nada, sem nenhum preparo, fingindo que está tudo bem! Provocando situações completamente constrangedoras, onde ninguém fica confortável, resultando em bullying...

Vamos olhar agora o outro lado, a vitima, a pessoa com deficiência. Há alguns fatores que quero discutir aqui sobre a pessoa com deficiência, tais como:

☛ Medo de perder o emprego, sendo que a pessoa precisa daquele salário.
☛ O próprio sujeito pode ter o sentimento de inferioridade, esse pode ter sido criado na família. E aí, até ele acredita que o emprego, foi um grande favor e que ele tem que aceitar tudo...
☛ A timidez de não conseguir se impor, mostrar quem ele é, que é capaz.

Escrevendo este texto, eu me pergunto e lhe pergunto: e aí como faz? Porque é muito complexo, há diversas questões que precisam ser trabalhadas, discutidas, é possível mesmo resolver essas questões para poder ter uma inclusão de verdade? Ou esse é o máximo que podemos chegar, então o bullying é uma consequência?

Eu acredito que estamos construindo a inclusão, ela não é simples, no entanto é sim possível!!! Tem muita gente que não tem noção que isso acontece, outras passam uma maquiagem em cima, para fingir que nada acontece, a chamada hipocrisia. Já outros, simplesmente acham que é assim mesmo, não tem o que fazer, a pessoa com deficiência tem o lugar dela!!!

E ai, você já sofreu bullying no seu local de trabalho? Conte pra gente nos comentários abaixo, ele é o nosso espaço de interação no blog.

Essa postagem é exclusiva, não cometa crime de plágio!!! Cite a fonte e o link do blog pelo qual fez uso do artigo.
2 comentários via Blogger
comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Bom dia, Damião,
    Eu sou uma dessas pessoas de que você esta falando, aqui no meu trabalho , eu sinto que alguns colegas fazem de conta que não existo, alguns cumprimentam entre dentes, se entro em uma conversa; fazem pouco caso.Sem contar que a própria Empresa não presta a atenção em mim. Quando li obre a lei que determinava certas ações que a empresa deveria tomar em relação a mim, fiquei chocado em perceber que mais teóricas
    que na prática não funcionam. E vejo que ainda há um longo caminho a percorre ,até que se faça uma verdadeira inclusão social.Hoje, depois de dez anos como pessoa portadora de necessidades especiais, ainda não me sinto totalmente incluído.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo Elias antes de mais nada obrigado pelo comentário, são poucas pessoas que usam esse espaço, espero que continue a comentar aqui no blog, esse espaço é para nossa interação mesmo. Com relação a sua situação, fica claro que ainda estamos muito longe de uma real inclusão, também passei por isso é horrível ser invisível, mas a luta continua amigo, vamos seguir em frente se puder compartilhe esse e outros textos nas redes sociais, juntos somos mais fortes!!!

      Excluir

Parceiros do Território