Pessoas com Deficiência e os 24 Medos na Sexualidade!!! - Território Deficiente Pessoas com Deficiência e os 24 Medos na Sexualidade!!! - Território Deficiente

Pessoas com Deficiência e os 24 Medos na Sexualidade!!!

O medo é inerente ao ser humano. Podemos senti-lo em várias fases da vida. Porém, ele começa bem cedinho, quando saímos da barriga da nossa mãe. Tem medo ali, sabia? Estamos mudando para um ambiente novo, outra temperatura, tudo diferente, não tem mais aquela sensação de proteção e acolhimento.

Pessoas com Deficiência e os 24 Medos na Sexualidade!!!

A imagem traz um papel de anotação rosa e sobre ele a frase: 24 medos na sexualidade das pessoas com deficiência

O medo já nasce com a gente e, apesar de nos assustar, em certos momentos, ele até nos protege. Deixamos de fazer coisas que colocariam nossa existência em risco devido ao medo que sentimos. No entanto, apesar desse sentimento ser algo natural e, até positivo, não podemos deixar que ele tenha total controle sobre nós a ponto de paralisar áreas da nossa vida que nos fariam muito mais felizes se fluíssem naturalmente.

O medo vivenciado FORA DA INTENSIDADE CORRETA traz consigo um turbilhão de sensações ruins. Muitas incertezas, dúvidas, inquietações, ansiedade e, às vezes, até pavor! Por isso, nesse texto, queremos bater um papo sobre nossos medos, mas de forma mais específica! Aqueles, sobre sexualidade e intimidade, que perseguem e tiram o sono das pessoas com deficiência.

Sabemos que falar desse assunto é abordar um tema bem amplo e variável. Porque, dependendo do tipo e do grau da deficiência que se têm, os medos podem ser diferentes na sua quantidade e intensidade. Tudo vai girar em torno do meu grau de dependência física, limitação de movimento e deformação óssea, que aquela deficiência causou.

Vamos, dentro dessa temática da sexualidade enumerar alguns medos, será que o seu medo se encontra aqui? Se não estiver coloque nos comentários. Detalhe, no final da postagem temos uma super dica especial para você!!! Bora conferir os medos:

👉  Medo de não satisfazer meu marido (esposa) na hora H;
👉  Minha deficiência é neuromuscular progressiva e incapacitante, por isso tenho medo de não poder mais transar;
👉  Medo de expor meu corpo imperfeito e, por isso, me fecho para a sexualidade;
👉  Medo de ser traído (a) devido à deficiência. Sinto que o meu desempenho sexual deixa a desejar;
👉  Para o homem masculinidade é tudo, tendo deficiência, morro de medo de não "dar no couro".

👉  Tenho medo de vivenciar minha sexualidade, pois meu órgão genital é deformado e escuro por eu ser cadeirante eu ficar muito tempo sentada (o);
👉  Tenho medo de me masturbar, aprendi que é pecado;
👉  Tenho medo do meu parceiro (a) achar meu corpo feio por causa da escoliose;
👉  Tenho medo das minhas partes íntimas estarem com cheiro ruim por ficar muito tempo sentada e suar;
👉  Tenho medo de ser abandonada pelo parceiro (a) após a relação sexual;


👉  Tenho medo de sentir dor, do parceiro ser grosso comigo na hora da relação sexual;
👉  Tenho medo de não servir pra ser parceira por não se enquadrar no padrão e só servir para a relação intima;
👉  Tenho medo de não atingir a expectativa do meu parceiro (a). Dele (a) sentir falta de maior movimentação da minha parte;
👉  Fico constrangida por não conseguir tirar minha roupa sozinha e depender dele (a) para me colocar nas posições;
👉  Acabo me privando de muitos relacionamentos íntimos pois tenho medo do que meu parceiro pode fazer comigo diante da falta de condições para me defender fisicamente;

👉  Tenho medo da reação da minha família se eu começar a namorar;
👉  Tenho medo, devido à incontinência, de fazer cocô e xixi no parceiro (a);
👉  Uso bolsa de colostomia e tenho medo do parceiro (a) ficar com nojo;
👉  Não consigo abrir muito a boca e tenho medo do meu parceiro me achar ruim na relação, por achar que não sei fazer um bom oral;
👉  Tenho medo dele achar que dou muito trabalho e que sou um peso;


👉  Perdi muita massa muscular e tenho medo de me tornar desinteressante. Sempre ouvi que homens "gostam de ter onde pegar."
👉  Por não enxergar tenho medo de ficar perdida na hora da relação intima;
👉  Tenho muitos espasmos e, por isso, tenho medo do meu parceiro (a) ter vergonha de sair comigo;
👉 Tenho boa condição financeira e tenho medo de me envolver com alguém que, não me aceite como pessoa com deficiência, mas queira só o meu dinheiro.

Como vimos são inúmeros os medos e sabemos que muitos outros ainda podem existir. Este texto não tem a pretensão de dizer que esse ou aquele que você sente é bobagem! Não, definitivamente não! Como diz o ditado: “Cada um sabe onde lhe aperta o sapato!”.

Mas, gostaríamos que você não deixasse esses medos se tornarem paralisantes e te fazerem abrir mão de algo tão importante na vida do ser humano: A SEXUALIDADE! Façamos uma reflexão sobre o medo normal e o paralisante...

Ter medo de altura é algo que comumente vemos e ouvimos. Então, isso se torna até normal, né? Ok. Mas, no momento que essa pessoa que tem medo de altura não consegue mais subir uma escada, pegar o elevador ou entrar em um avião, temos um problema muito sério.


Um PROBLEMÃO na verdade! E é isso que não queremos que aconteça contigo! É normal você sentir insegurança, nervosismo, mas não deixe os medos te dominarem de uma forma que você tenha que abrir mão de viver! Isso é triste demais e ninguém merece!

Tente, pelo menos tente, passar por cima desses medos! Seja feliz, seja livre e, acima de tudo, sejam corajoso (a)!

💕 SUPER DICA ESPECIAL

Você quer de verdade vencer seus medos em relação a sexualidade e relacionamentos? Criamos dois e-books digitais que é um guia essencial sobre o assunto. Graças a Deus eles já são os e-books mais consumidos da internet nesse segmento. Clique no botão abaixo e tenha acesso aos e-books.


Para não perder nenhuma das nossas atualizações, postagens e dicas recomendamos que você:

Assine o blog gratuitamente;
Siga-nos no Instagram;
Curta-nos no Facebook;
Siga-nos no Pinterest;

Essa postagem é exclusiva, não cometa crime de plágio!!! Cite a fonte e o link do blog pelo qual fez uso do artigo.


Espalhe essa postagem por ai!!! Quer saber sobre: Marketing digital, fale com a gente.
Compartilhe
Deixe aqui seu comentário

Nenhum comentário:

Parceiros do Território